BERT: Novo algoritmo do Google

Like Melon > Marketing Digital  > BERT: Novo algoritmo do Google

BERT: Novo algoritmo do Google

Você já ouviu falar no Google Bert? Em outubro de 2019, o Google anunciou o que será a maior mudança no seu sistema de buscas por palavra-chave, desde a implantação do RankBrain, em 2015. Essa evolução do algoritmo de buscas e ranqueamento de sites pelo Google é orquestrada pelo Google Bert (Bidirectional Encoder Representations from Transformers). Primeiramente, esse novo sistema de ranqueamento será aplicado para buscas em inglês, mas logo também estará disponível para buscas em português.

E você, conhece o RankBrain? Sabe o que são “featured snippets”? Esses termos mais técnicos, muito conhecidos pelos profissionais de SEO (Search Engine Optimization – Otimização para motores de busca) terão sua lógica de ranqueamento alterada pelo Google Bert! Acompanhe o texto, a seguir, e compreenda melhor quais são essas mudanças em relação ao atual mecanismo de busca do Google. Tenha a seguinte certeza: quanto melhor for a qualidade de seus conteúdos, para o seu público, melhor será o ranqueamento orgânico alcançado!

Breve histórico do sistema de buscas e ranqueamento do Google

Ao se falar de ranqueamento, em marketing digital, é comum estar se referindo ao posicionamento que a produção digital (textos, vídeos, dentre outros formatos) de um site ocupa na página de resultados (SERPs – Search Engine Results Pages) de uma ferramenta de pesquisa, de buscas, como o Google. A meta de todo negócio é ter suas produções posicionadas nos primeiros lugares da lista de resultados, uma vez que esses são os conteúdos mais acessados pelos pesquisadores.

Até 2015, as buscas por meio de palavras-chave de cauda longa (frases mais longas que especificam melhor o conteúdo a ser encontrado – Leads (sua audiência) que realizam pesquisas com palavras-chave de cauda longa sabem o que querem e consequentemente são visitantes mais qualificados) geravam resultados refinados manualmente, por meio de pessoas que criavam listas de derivações (sinônimos) desses termos.

O alto volume de pesquisas diárias, no buscador do Google, é percebido mesmo antes de 2015, quando já contabilizava uma média de três bilhões de buscas e muitas dessas com termos inéditos. Dessa forma, ficou cada vez mais impraticável realizar o refinamento dessas buscas manualmente. Com o avanço tecnológico, os mecanismos de informática ficaram mais inteligentes e autônomos, desenvolvendo a capacidade de aprender sobre contextos novos sozinhos.

Surge, então, o termo aprendizado de máquina que significa a capacidade que sistemas informatizados (por meio de programação – algoritmos) têm de se adaptar a novos contextos, novas demandas, sem a necessidade da intervenção humana. O aprendizado de máquina faz parte do que hoje se chama inteligência artificial. Um exemplo comum de uso da inteligência artificial é a classificação de e-mails como spam, a partir da análise do conteúdo das mensagens recebidas. Assim, em 2015 o Google anunciou a modernização do seu mecanismo de busca com a implementação de um novo sistema, o RankBrain.

Compreenda o Google Bert: O que é RankBrain?

O RankBrain é um algoritmo, do Google, presente no seu sistema de pesquisa que influencia o ranqueamento dos sites nas páginas de resultados das buscas. Esse algoritmo passou a ser utilizado em 2015 e é responsável por procurar palavras-chave em bilhões de páginas da internet, disponibilizando os resultados de maior relevância para os usuários.

O algoritmo utilizado pelo Google para selecionar as respostas que aparecem nas páginas de resultados de busca se chama Hummingbird e o RankBrain é uma das partes que constituem o Hummingbird. O RankBrain avalia a relevância dos conteúdos a partir da existência de links e da qualidade do conteúdo. Outra parte que compõe o Hummingbird é o PageRank, o qual avalia a relevância dos conteúdos a partir da existência de links externos. O Hummingbird também utiliza alguns parâmetros próprios de ranqueamento (chamados de sinais), como a presença de palavras em negrito ao longo do texto, sendo reconhecidas como de maior significância para o conteúdo apresentado.

O RankBrain foi criado para solucionar a demanda por encontrar páginas que não estavam diretamente relacionadas à palavra-chave pesquisada. Essa demanda é apresentada por palavras-chave de cauda longa e o RankBrain possibilitou, assim, o surgimento de pesquisas específicas e genéricas sobre o mesmo tema. O Google Bert surge em 2019 para aprimorar as buscas já realizadas pelo RankBrain e que ainda não geravam resultados condizentes com as expectativas dos usuários. Ou seja, o comportamento do algoritmo de busca é aprimorado e é necessário estar atento para ocupar o primeiro lugar de ranqueamento!

Compreenda o Google Bert: O que são featured snippets?

Featured snippets são caixas de resposta rápida que retornam para o usuário quando determinadas palavras-chave são pesquisadas, podendo apresentar conteúdo em formato de parágrafos, tabelas ou listas. Essa caixa aparece posicionada no topo da página de respostas, antes do site que ocupa o primeiro lugar na lista de ranqueamento orgânico. Dessa forma, a caixa de respostas passa a ocupar a chamada posição zero de ranqueamento e não é obrigatório que o conteúdo dessa caixa seja produzido pelo site que se encontra logo abaixo dessa. Aliás, é mais comum que o conteúdo que ocupa a posição zero seja produzido por sites que estejam, por exemplo, ranqueados no sétimo, décimo lugar do ranque.

Os featured snippets surgem como uma alternativa de melhora para a experiência de uso do sistema de busca do Google, tornando mais rápido e simplificado o acesso do pesquisador ao resultado que procura. Com o advento do Google Bert, os featured snippets também serão impactados com alterações de algoritmo. Ou seja, para ocupar a posição zero das páginas de resultados, os empreendedores deverão estar atentos aos novos parâmetros de otimização para suas produções digitais.

O que é o Google Bert e qual o aprimoramento gerado?

O Google Bert é o mais novo algoritmo do sistema de buscas do Google, que a partir de outubro de 2019 passa a atuar em conjunto com o RankBrain para pesquisas realizadas em inglês e que em breve estará disponível para outro idiomas, como o português.

O principal objetivo do Bert é ajudar os computadores a interpretar a linguagem de busca de uma forma mais fiel ao entendimento humano. Por exemplo, a busca em inglês do da palavra-chave de cauda longa “2019 brazil traveler to Usa need a visa” retornaria resultados com informações sobre americanos que gostaria de viajar para o Brasil, uma vez que o sistema de busca não estava apto a decodificar o verbete “to”, essencial para a compreensão do significado da frase. O Bert proporcionará um refinamento do algoritmo em termos do processo de compreensão linguística de cada idioma, gerando resultados mais precisos e inteligentes.

O resultado esperado, com a implantação do Bert, é beneficiar os conteúdos de melhor qualidade com o ranqueamento orgânico. Dessa forma, conte com o auxílio da Like Melon para otimizar suas produções digitais e estar sempre no topo das páginas de resultados do Google!

likemelon
likemelon
Sem Comentários

Poste um comentário

Comentário
Name
Email
Website